15-07-2016 QueenNut Macadamia divulga potencial de negócio no 3º Encontro DNA

A empresa doiscorreguense QueenNut Macadamia esteve presente no 3º Encontro DNA (Desenvolvendo Nosso Agronegócio) – Empreendedorismo e diversificação agrícola, realizado em Jaú, entre os dias 6 a 9 de Julho. A realização foi da Cooperativa de Café de Jahu e da Comcorp. O evento teve apoio da Associcana, Fiesp, Senai, Sesi, Sebrae, Sindicato Rural de Jahu, Governo do Estado (Secretaria de Agricultura e Abastecimento), APTA (Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios) e CATI (Coordenadora de Assistência Técnica Integral).
A empresa também disponibilizou estande no evento, para esclarecimento de dúvidas dos visitantes, orientações, além da venda de mudas e de macadamia.
No dia 6 de Julho, o diretor da empresa, Pedro Piza, realizou palestra e apresentou todo o histórico de trabalho da QueenNut, capacidade desde o plantio até a venda final para os consumidores. Também estiveram presentes os empresários Dr. José Eduardo Mendes Camargo e Maria Teresa Egreja Camargo (Teca).
A empresa está investindo para ampliação das áreas cultivadas com macadamia na região, através da divulgação de seu potencial de negócio e alta rentabilidade. A QueenNut Macadamia está consolidada no mercado há mais de 25 anos e é responsável por 50% da exportação brasileira da noz. “Participar deste evento para a QueenNut é fundamental. Trata-se de empresa que tem o mercado aberto e com a possibilidade de vender macadamia para o mundo inteiro e dobrar a venda dentro do Brasil. Porém, ainda não temos produto e fornecedores suficientes para dobrar essa produção. É uma cultura que tem uma alta rentabilidade, de cerca de R$ 14 mil líquido por hectare. É difícil encontrar hoje uma cultura com o mesmo faturamento e competitividade. Essa foi mais uma oportunidade de apresentar este excelente negócio para os agricultores da região, de uma empresa que oferece o suporte técnico, compra garantida, muda certificadas, etc”, comentou.  
Além disso, o produtor pode ter uma renda extra nos primeiros anos através do plantio consorciado de macadamia com milho, soja ou café.

Conheça mais sobre a QueenNut Macadamia:

- Iniciou o processamento em 1993
- Início as exportações em 1994
- Beneficia 35% da produção de macadamia do Brasil
- É responsável por 50% da exportação brasileira de macadamia
- Suporte técnico especializado
- Disponibilidade de mudas certificadas (única empresa no Brasil)
- O plantio de macadamia possui linhas de crédito estaduais e federais vantajosas
- Região possui solo e clima favoráveis
- Produto de alto valor agregado
- Mercado interno e externo em franco crescimento

 



Esta matéria teve 295 visitas até agora. Data da publicação: 22/08/2016

Publicidade